Dumplin’ – autoaceitação do corpo gordo na adolescência

por Juh Oliveira* Antes de falar do filme, é preciso mencionar que sua narrativa é baseada na história do livro homônimo da autora Julie Murphy e que essa adaptação para original Netflix recebeu alguns feedbacks negativos por ter um enredo clichê e sem muito aprofundamento dos personagens na trama (problemáticas que são questionáveis), mas é … Continue lendo Dumplin’ – autoaceitação do corpo gordo na adolescência

A loucura dos invisíveis – A periferia e os seus Coringas

por Juh Oliveira* Se basta um dia ruim para reduzir o mais são dos homens a um lunático, qual o nível de insanidade de quem passa uma vida tendo dias repletos de injustiças sociais e lutas pessoais? O filme Coringa (Joker) tem dividido opiniões e sido tema de discussões sociais importantes. Uma delas é se a narrativa apresenta a … Continue lendo A loucura dos invisíveis – A periferia e os seus Coringas

O mais emocionante em Pantera Negra somos nós!

por Juh Oliveira* A Juh esteve numa sessão especial do filme Pantera Negra somente para a comunidade negra e republica aqui no Facada X o relato desta experiência.       Participei de um evento incrível, de importância e significado, impacto e representatividade enormes: uma sessão especial do filme “Pantera Negra” somente para a comunidade negra … Continue lendo O mais emocionante em Pantera Negra somos nós!

Quinze anos de Facada X

por Roberta AR Criado como um espaço livre para publicar, por mim e pelo André, o Facada sempre esteve aberto aos nossos amigos e a pessoas que se aproximaram para trocas interessantes. Começamos um ano depois do lançamento do orkut, que ainda era fechado apenas para convidados,  então muito do que foi postado no início … Continue lendo Quinze anos de Facada X

Distopia pra quem? 100 anos de Asimov, robótica e questões raciais

por Juh Oliveira* Após a leitura de algumas obras de distopia, de obras e influências de Asimov, principalmente quanto à robótica, e também da obra “O mal estar na civilização”, de Freud, tenho algumas considerações pessoais que podem nos levar a outras óticas sobre o que tememos sobre o futuro. Quero refletir com vocês sobre … Continue lendo Distopia pra quem? 100 anos de Asimov, robótica e questões raciais